A gente sempre reclama que o Brasil é atrasado, que as coisas demoram pra chegar/acontecer aqui, né? Em partes, isso é verdade, mas o fato é que a gente não pode deixar que esse raciocínio fique ecoando na nossa cabeça em automático o tempo todo, afinal, é exatamente por pensar assim, se lamentar e olhar demais pra fora desejando o que tá rolando na gringa que a gente deixa de ver o que está se passando aqui, no nosso quintal...

A cena criativa tá, sim, acontecendo -ainda que de forma ainda tímida, afinal, a gente não tem muita ajuda-, e pra impulsionar e fazer com que esse movimento se expanda e chegue mais perto de todo mundo, o que podemos fazer é ajudar e incentivar a galera independente que tem tentado colocar o Brasil no mapa da criatividade.

Pensando nisso, eu fiz uma lista com algumas das marcas nacionais que, na minha opinião, tem feito bonito ao oferecer trabalhos autorais que não deixam em nada a desejar para as marcas gringas.
Os critérios de escolha foram: marcas pequenas, iniciantes e/ou independentes que apostam trabalho autoral e tem uma proposta de branding bem alinhada, oferecendo produtos criativos de forma também criativa.

Pra facilitar a vida, separei tudo por categoria e organizei em ordem alfabética. Bora ver como ficou esse babado?

CASA E DECOR

Caos é um estúdio que produz ilustras com traço bem delicado, produtos de madeira e, em alguns casos, misturam as duas coisas em produtos fofos pra dar aquela leveza nos ambientes sem deixar boring...
Ainda não conheço os produtos pessoalmente mas já amei esse cachepô com pezinhos <3

 Contem Bolo foi indicação de uma seguidora via DM no insta no dia em que eu falei que pretendia fazer um post com marcas nacionais com produtos legais e diferentes -e que aceitaria indicações. De cara, amei a idéia dos talheres com poesias curtinhas, depois descobri que, além dos talheres, existe a opção do bolo em uma bandeja -com poesia também.
Fofo, né?
Quem amam receber amigos em casa com mesa posta trabalhada nos detalhes sabe o quanto pode ser gostoso ter objetos diferentes e únicos assim em casa...
A Corporação de Ofícios é um dos meus xodós quando se trata de objetos de decoração nacionais. Sempre tive verdadeira paixão pelas peças, pelo toque de nostalgia repaginado e, depois de conhecer pessoalmente a loja e as responsáveis por toda essa lindeza, fiquei ainda mais encantado. Infelizmente, o insta e o site da marca não fazem jus à quantidade de produtos fofos que elas tem no mix de produtos, mas eu recomendo fortemente que vocês dêem uma olhada, além de passar na loja pra conhecer pessoalmente também, caso você esteja na Vila Madalena, em São Paulo
 Conheci o trabalho do Ateliê Mentha através da Caixa Cosmo, um clube de assinatura de trabalhos autorais, em que você recebe todo mês uma caixinha em casa com trabalhos de artistas de vários lugares e estilos.
Recebi deles um hanger turquesa que está pendurado na minha sala atualmente, e que possivelmente vocês já devem ter visto através do stories.
Pra quem curte ter muitas plantinhas em casa e aquele toque boho moderninho na decor, é uma dica de ouro.
 Pra quem curte decor moderninha e descolada com uma pegada clean e aquele toque industrial -sem ser literal-, as peças da Moderno são um achado. Além das mesinhas super fofas e dessa estante azul maravideusa, a marca de Brasília tem também almofadas, cachepôs e hangers, tudo bem moderno (com o perdão do trocadilho) e com estampas autorais simples e belas.
 Depois da onda do industrial, parece que Wabi Sabi é a palavra da vez nas decorações mais aclamadas no Pinterest. Não sabe do que eu tô falando? A tia explica: em resumão bem objetivo, wabi sabi é uma expressão japonesa que designa a valorização da beleza da imperfeição e a aceitação do ciclo natural das coisas, que inclui a "decadência", onde nada dura pra sempre. Lindo de se acreditar e super lindo também na prática, representado através de uma estética onde nem tudo precisa de um acabamento impecável, principalmente num mundo onde as pessoas geram cada vez lixo buscando preencher seu vazio na busca pelo inatingível (isso vale pra tudo, não só pra decor).
Porque falar de Wabi Sabi? Porque essa cerâmica com pegada mais "rústica", mais irregular e com acabamento mais natural como a da Noni SP tá totalmente dentro desse conceito -que está virando uma tendência.
Eu já tô de olho nesse tipo de peça há bastante tempo, tanto que tenho mais de uma marca com produtos similares na lista:
 A Olive também produz cerâmicas com essa pegada mais "handmade" e tá na minha lista de crushes de decor há alguns bons meses.
Além desse aspecto mais "rústico" no acabamento, eu também amo as formas dos produtos da marca.
Meu favorito: o vaso cone rosa e jarra flocos. Tá tudo lá no site <3 Dá uma olhadinha ;)
 Conheci Pamelitas através do insta e me apaixonei de cara pelo traço fofo das peças em cerâmica pintadas à mão com ilustras autorais e detalhes em ouro (ou platina), até que comprei um pratinho com ilustra de lhama numa feira em São Paulo, que faz sucesso com todo mundo que vem aqui em casa.
Na minha wishlist: as garrafinhas tipo cantil e as mãos estampadas -uma mais linda que a outra.
 Realindo é uma marca handmade de aromatizadores, velas e outras coisinhas cheirosas para a casa com uma história pra lá de inspiradora...
O que eu mais gosto na marca é o fato de que os aromas são inspirados nas memórias afetivas da família do Bruno, mente criativa por trás da marca: Realindo era o do seu avô do Bruno e Jacira (o nome de outro cheirinho), sua avó.
Quando abri o kit que recebi em casa e senti o cheirinho dos produtos, de alguma forma, senti uma nostalgia muito grande e adorei a idéia de ter em casa algo que carregue as memórias de pessoas especiais -perdi minha avó sem ter a chance de me despedir dela, assim como o Bruno com os seus avós, logo, a identificação foi ainda maior e, depois de alguns meses usando os cheirinhos em casa, a gente se viu completamente apaixonado por ambos, que fogem do clichê dos cheirinhos florais comumente encontrados na sessão de aromatizadores do mercado.
Preciso falar também da identidade visual: amo as embalagens, a tipografia e as ilustrações com traço vintage dos produtos.
Mentaliza aí uma loja rosa cheia de plantas belíssimas do chão ao teto: pronto, estamos falando da Selvvva, que além de plantas, tem também vasos e suportes maravilhosos, todos na minha lista de desejos. 
Como eu já sei que muit@s de vocês aqui amam plantíneas, já fica a dica: apreciem com moderação e cuidado pra não surtar <3

As cores vibrantes do Zezé Estúdio refletem meu estado de espírito de uns tempos pra cá: tudo muito colorido, geométrico e divertido. Tem almofada, tem pareô e tem body, tudo muito colorido e inspirado na natureza!

MODAS
 Ao mesmo tempo em que sou suspeito pra falar da Baroque, por se tratar da marca de uma amiga muito querida, sinto que tenho autonomia o suficiente pra dizer o quanto as coisas ali são feitas com muito amor.
Trata-se de uma marca brasiliense de acessórios para noivas e madrinhas, com uma pegada vintage/boho, tudo feito de forma artesanal, com muito cuidado e carinho, pensado para mulheres com alma sensível que querem se sentir ainda mais especiais para um dia tão importante como o casamento.

 Outra marca que tive o prazer em conhecer de perto, a BOH (que já esteve nos nossos editoriais aqui no blog algumas vezes) tem um estilo casual sofisticado, prioriza tecidos leves e cores sóbrias e tudo lá dentro é pensado nos mínimos detalhes pela Nila, uma pessoa muito querida e sempre em busca de um sentido ainda mais sentido para as peças, tentando estimular um consumo mais consciente para suas clientes (sim, isso é difícil, mas é possível).
Atualmente, a marca está em fase de mudanças: prestes a ganhar uma nova casa -uma loja física que está sendo inteiramente reformada pela Nila (tá tudo registrado lá no insta, pra quem gosta de acompanhar reformas e projetos desse tipo bem de pertinho).
Além disso, ela tem feito experimentos com tingimento natural dos tecidos, algo que a gente precisa enaltecer, afinal, o tingimento feito pela grande indústria é altamente prejudicial à natureza, como a gente já sabe...

 Oh, Querida também foi indicação de uma seguidora e eu achei sensacional por se tratar de uma marca plus size preocupada em passar uma mensagem de atitude e empoderamento para PESSOAS de qualquer idade, tamanho, gênero, estimulando as pessoas a vestirem o que der na telha.
Bom? Maravilhoso!
 Eu sou muito fã da Carol Burgo, pelo sotaque, pela sinceridade e pela Prosa, sua marca de roupas, que é a marca certa pra quem sabe que é uma mulher incrível, quer estar sempre com cara de "acordei maravilhosa e bem sucedida" sem esforço e sem perder a leveza e a bossa de ser brasileira.
Sério: vocês não conseguiriam entender o nível de crush que eu tenho pelas estampas da marca (todas feitas pela Carol) e como elas são aplicadas maravilhosamente em peças tão bonitas. Meu desejo é que em algum momento possa ter alguma peça com uma estampa bapho ali no meio com modelagem mais neutra pra eu me jogar sem medo.
 Você conhece Mahmundi? Eu ja falei dela nesse post babadeiro bem aqui e se você não conhece ainda, vai lá ver rapidinho pra você poder entender o porque eu amo a Retropy: porque ela me lembra a vibe da Mahmundi, uma das minhas cantoras favoritas da cena nacional dos últimos anos (já pode add ela na sua playlist aí, viad@).
A marca carioca tem uma vibe oitentista, bem a cara do que minha mãe usava ainda antes de eu nascer e do que a gente viu nos looks do Will Smith no SBT achando brega por muito tempo, mas que na verdade eram pérolas e estão de volta...
Quer nostalgia mais gostosinha que poder se vestir de um jeito parecido que com nossos pais no passado? Sério, manas, isso é mágico e a Retropy faz direitinho.
Ponto extra: os boys nas fotos são sempre muito deliciosos também. Obrigado, de nada!

 A Toda Coisinha é uma daquelas marcas que a gente aprende a gostar de acompanhar e observar a evolução... foi isso que aconteceu nos últimos tempos, vendo o trabalho da Zilah passar para um outro nível ao se encontrar em referências muito nossas, como a xilogravura. A marca, que seguia uma linha mais retrozinha e, apesar de ter aquela pegada handmade, poderia se passar por "genérica",  hoje tá com um trabalho único, com a melhor das assinaturas: o orgulho da brasilidade.
Tem: acessórios fofos pra usar (colares, pingentes, brincos) e redomas fofas pra casa.
Também descobri a Zhoi andando pelas feirinhas descoladas em São Paulo e me apaixonei de cara. Com alguns detalhes que me remetem à marcas jovens gringas como a Lazy Oaf, a Zhoi representa o jovem urbano que prefere conforto ao close, através de recortes e cores divertidas que também me remetem à memórias afetivas de outrora (olha ela toda rebuscadinha) -eu lembro perfeitamente de ver roupas com esse estilo quando eu era MUITO criança...
Já faz um tempinho que venho acompanhando a marca e tô adorando ver a evolução entre uma coleção e outra. Ainda não tenho nenhuma brusinha aqui comigo, mas também tá na wishlist.

PAPELARIA
É fácil pra mim falar da Meg e Meg porque ela foi a única a conseguir o grande feito de me manter organizado por mais de uma semana seguida, rs.
Criada pela Jess, a Meg e Meg é uma marca de papelaria fofa sem afetação, com uma vibe minimalista que acaba agradando tanto quem gosta de coisas mais delicadas/românticas como quem busca mais praticidade e discrição. Sim, dá pra ser fofo, discreto e ainda passar uma imagem de bem sucedido na vida, tudo ao mesmo tempo e eu descobri isso usando os produtos da Meg e Meg, rs.
Meus favoritos: planner, bloco de notas "coisas e etc" e as cartelas de adesivos.
Pra quem curte papelaria com muita estampa e cores mais convidativas, tem a Estúdio P.A.P.E.L., que brinca com formas orgânicas, natureza e tem um leque bem amplo de produtos.
O feed da marca no insta também é super fofinho e inspirador.

INFANTIL
Encontrei a Escafandro de Pano (escafandro, a palavra difícil, significa roupa de mergulho, daquelas usadas por mergulhadores profissionais pra ficar por mais tempo em baixo d'água) no insta e amei esses bonequinhos feitos de tecido com visual engraçadinho e uma dose generosa de ironia/humor no design...
Coloquei a marca aqui na sessão infantil, mas eles tem bonecos super divertidos para adultos também, tudo sempre com essa carinha de verão.
Adorei o tubarão e as fivelinhas, que eu usaria como patch.

 Fruta foi mais uma das minhas gratas surpresas durante minhas andadas por São Paulo: de longe, vi um estande imitando barraquinha de feira, tudo em preto e branco. Cheguei bem perto e me encantei com todos os detalhes da marca: o styling dos looks nas fotos dos produtos, os modelos das peças e principalmente o fato de ser uma marca infantil sem gênero de verdade, onde cada roupinha veste igualmente bem meninos e meninas, resultando em looks descolados que até eu queria usar.
Na verdade, eu queria mesmo era que eles fizessem essa camiseta raglan de arcoiro em tamanho menor pra eu poder comprar uma pro Sushi... mas tá valendo!
Se você é das pessoas que tem criança em casa/na família e tenta fugir das roupas com temas óbvios das grandes lojas/marcas, tá aí uma opção muito fofa pra acompanhar de perto...

Assim como a Fruta, a Humaninhos também tem como premissa a proposta de fugir dos temas óbvios e previsíveis para os pequenos, com roupas bem urbanas.
Focada no conforto, a marca brinca com cores, tecidos e modelagens mais amplas que proporcionam mais liberdade de movimento para as crianças poderem ser... crianças, rs.

 Fui apresentado à Lulu & Co. através do trabalho de uma amiga de São Paulo, que sempre usa as peças da marca em seus projetos.
O trabalho em madeira conta com peças bem delicadas de acabamento impecável, mas a marca também tem almofadas e meias fofas.
Meu item favorito da marca: a mini estante em formato de casinha <3
Se achar roupas legais para crianças é difícil, imagina encontrar acessórios, né? A O' Mood tá aí pra preencher essa lacuna do mercado com várias opções de acessórios bem fofos e divertidos. Amei forte a bolsa de abacaxi com pompons.
Mais um achado das feiras de São Paulo, a Oscar et Amélie é uma gracinha de marca que mistura delicadeza e sofisticação, charme francês e frescor brasileiro para os pequenos com uma dose generosa de charme retrô, também com algumas peças genderless no mix de produto.
Pontos fortes: modelagem, acabamento e material impecáveis.

Ufa! Quanta coisa, né?
Tá vendo aí que a gente arrasa muito no design e na criatividade também?

Apenas para esclarecimentos, esse post não é um publi e foi feito por livre e espontânea vontade, sem interferência de nenhuma das marcas envolvidas.

E aproveitando a oportunidade, eu não tenho uma lojinha própria, mas já que a gente tá falando de design autoral e inspirador etc, você pode encontrar produtos com minhas ilustrações na Touts (usando o código #BLOGDOMATH, rola aquele desconto maravilhoso de 15%), no Colab 55 e na Urban Arts

Agora vamos papear sobre essas marcas incríveis, né?
Me conta aí, viad@: Já conhecia alguma? Tem alguma outra muito maravideus pra indicar?
É só comentar aqui em baixo que eu vou tomar nota pra gente ter uma outra lista em breve...

Ah, e não esquece de compartilhar com as amigas, tá? Coisa boa assim, que enaltece o que é nosso, tem que ser compartilhado, afinal, só assim a gente pode consumir ajudando a quem rala muito pra conquistar um espaço no mercado através do design autoral.

Espero que tenham gostado.

Bjs do Math e até a próxima!

Postar um comentário

Contact

Instagram

© BLOG DO MATH
Design by The Basic Page