Durante a edição e produção de moda do editorial de festas juninas, a ideia era encontrar um ponto de equilíbrio entre não gourmetizar o tema (mantendo a simplicidade que é parte da essência das festividades) e não cair no tradicional, apenas repetindo o caricato que todo mundo faz o tempo todo, afinal, essa é a razão de existir do que a gente vê aqui: apresentar novas possibilidades e estimular as miga a experimentarem novos caminhos.

Entre as referências, estavam figuras femininas com diferentes bagagens de vida e histórias, todas de alguma forma conectadas ao tema por elementos como campo, artesanato, regionalismo etc e essas informações guiaram a concepção dos looks.

O primeiro a surgir é resultado de uma mistura de referências da internet, entre elas, um vestido da designer londrina Mira Mikati, que me remeteu à peças vistas nas feiras de artesanatos nordeste afora; o que poderia ser só mais um vestido branco fresquinho ganhou novos ares com as camadas de cores das sianinhas:


E a segunda referência veio desse top de plástico de uma loja gringa chamada Lisa Says Gah, que -apesar do material- me transmitiu uma leveza que eu achei que faria sentido dentro da edição do projeto:

E foi dessa mistura que surgiu a idéia de desconstruir o formato tradicional de look junino (vestido rodado ou jeans + camisa xadrez) trazendo referências ao nordeste, ao trabalho das artesãs e até mesmo dos looks clássicos das festividades, mas de uma forma menos óbvia.

O passo a passo para a peça tá no vídeo aqui em baixo:

E como eu mencionei no próprio vídeo, a idéia é que você consiga olhar para detalhes e materiais que já fazem parte desse universo para customizar outras coisas, como um acessório ou um sapato.
Fiz tudo usando cola universal porque, apesar da minha formação em moda, eu não sei costurar nada mas isso não é motivo para que gente que não tem máquina de costura em casa deixem de customizar e personalizar peças de roupa.
O custo do projeto é baixíssimo, pois as sianinhas são bem acessíveis e a idéia é que você transforme alguma peça que já tenha em casa para isso.

Por hoje é só e se você curtiu a idéia, não deixa de compartilhar e, se fizer a sua versão da peça, não deixa de postar no insta com a nossa #fazaibonita e me marcar pra eu dividir com as mana tudo nos stories, beleza?

Bjs do Math e até a próxima!

Postar um comentário

Contact

Instagram

© BLOG DO MATH
Design by The Basic Page