BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
O que eu mais amo em viagens é o quanto as experiências vividas podem nos influenciam e mudar o que somos e nossa visão de mundo: foi em uma dessas idas e vindas que descobri meu amor por Chico Buarque, ao entrar no Josephina, um bistrô cheio de alma e história em Gramado. Tudo lá dentro tinha um charme nostálgico irresistível, dos reclames antigos na parede, passando pela estante com livros e as fotos antigas de família nas paredes até a trilha, que me pegou em cheio: Francisco Buarque de Holanda, que espalhava brasilidade por cada cantinho daquele lugar.
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
Tive que fazer essa introdução tipo flashback para dizer que mudei ali meu ponto de vista sobre brasilidade, envolvido por toda aquela atmosfera e pela história viva que é a casa onde fica localizado o Josephina: passei a dar mais atenção para o que temos de bonito, leve e sutil aqui dentro, na nossa história, que muitas vezes negligenciamos para olhar apenas para fora e supervalorizar a estética vintage de outras nacionalidades.
Guardei esse xodó afetivo por um tempo e finalmente consegui trazer um pouco desse clima em um vídeo que já queria fazer há bastante tempo, com dicas para preparar a casa para receber visitas.
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
Diferente do que eu já fiz em outros posts e vídeos sobre assuntos similares, dessa vez eu quis deixar um pouco de lado as referências de bistrô francês para fazer algo mais pé no chão, com cara do que a minha avó faria: café com bolo para receber as amigas (o que não significa que eu nunca mais vou fazer mesas fofinhas e super ornamentadas. Pelo contrário, vou sim, mas precisava variar um pouquinho...).
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
E foi com uma idéia fixa de fazer algo mais simples, aconchegante e brasileiro, que convidei minhas amigas da Moça do Buquê para a gente falar de visitas, porque receber pessoas queridas em casa de forma aconchegante é algo muito nosso, muito brasileiro. Acho que nenhum povo consegue fazer isso melhor que a gente, né?
Tá tudo detalhadinho em um vídeo no final do post, mas tem um resumo bem legal com fotos antes, espia só...

(Pausa para dizer que eu não sei lidar com o charme que é o design dessa cafeteira, gente <3)
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
 Entre as dicas da vez que você pode repetir em casa: usar um suporte de doces para outra finalidade, decorando com mini arranjos. Aqui a gente usou vidros de papinha de bebê com flores pequenas e pouca folhagem. Ficou um mimo, né? A idéia original é da miga Titi Juchem, que faz esses suportes fofíneos do amô! <3
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
 Nas fotos aqui em cima, uma das idéias que a gente mostrou no vídeo, ensinando a fazer esse porta-guardanapos lindo de viver, com flores naturais (e MUITO fácil de fazer -e super baratex!).
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
Mais uma foto dos arranjos no suporte de doces porque sim... <3
BLOG DO MATH PREPARANDO A CASA VISITAS
Outra idéia delicada, simples e querida (que também aparece no vídeo): arranjos na cestinha, que pode ser usado como centro de mesa ou pra deixar o banheiro mais charmoso para surpreender as miga convidadas.

Essas são as fotos com o resumo das nossas idéias, mas aqui em baixo tem um vídeo que foi resultado de 2 dias de gravação + 2 de edição. Super trampo feito com MUUUUUITO amor e com participação das minhas amigas e parceiras Bruna e Sâmia, da Moça do Buquê, que tem uma energia maravilhosa para se trabalhar junto.

Vê aí, miga:



Lembrando que se você gostou das dicas das meninas e também é apaixonada por flores e por deixar a casa florida, cheirosa e colorida no dia-a-dia e para receber azamiga, tem workshop com a Bruna e a Sâmia dia 7 de setembro na Pupila.
Vocês sabem que eu sou sempre muito sincero e honesto com vocês, então, preciso dizer: elas são tão fofas que valeria a pena ir mesmo que fosse só para bater um papo, hehehe.
Para se inscrever ou tirar dúvidas, é só clicar aqui.

Espero que vocês tenham gostado desse nosso bate-papo (o vídeo ficou mais longo do que o comum, mas tem amor em cada frame, pode acreditar) e aproveito para pedir que se você curtiu, compartilhe a idéia com as miga tudo, se inscreve no canal e deixa seu comentário também. Cada pequena ação conta muito pra mim e ajuda pra caramba, viu?

Muito obrigado à Alba, da Flor de Sol, que ajudou com as filmagens e deixou o Sushi calminho para andar de bicicleta pela primeira vez, rs.

Obrigado pela companhia mais uma vez, monamú!

Bjs do Math e até a próxima!

Postar um comentário

Contact

Instagram

© Blog do Math
Design by The Basic Page