Math

31 anos, artista visual de alma brasiliense, nascido no Piauí; criando conteúdo para a internet há 9 anos e ajudando pessoas a transformarem vivências em pequenas experiências e instantes de cor, brilho e amor.

@blogdomath

FREEBIE: kit cinema em casa para quarentena

 Não sei aí onde você mora, mas aqui em Brasília, o decreto sobre isolamento social (lembrando que isolamento é diferente de quarentena) por conta da pandemia do Corona Vírus foi estendido para todo o mês de maio e a gente precisa, de fato, encontrar formas saudáveis de lidar com essa mudança tão brusca na nossa rotina.

Num primeiro momento, a enxurrada de lives pareceu uma boa opção e a gente viu como se saturou rápido: apesar de ser um ótimo caminho para os criadores de conteúdo, por dispensar de edição (algo que qualquer outro formato de conteúdo precisaria), para quem assiste, receber notificações constantes de gente entrando e saindo de live tem uma enorme capacidade de gerar/aumentar ansiedade.

Eu sempre vi blog  como algo que se complementa com as redes sociais, mas que tem uma outra lógica de consumo: quando você está aqui, comigo, é como se a gente estivesse na sala da minha casa e eu estivesse te servindo um cafezinho.
Você pode ficar quanto tempo quiser: pode ser apenas 30 segundos de conversa ou você pode passar uma tarde inteira relembrando conversas e histórias antigas, mas aqui dentro, a euforia e o frenesi da atualização constante do feed não existe, o que nos coloca num outro jeito de papear -um jeito que eu prefiro, sendo bem honesto.

Pois bem, pensando nessa lógica, acho que esse pode ser um bom momento pra gente trazer um pouco mais de ênfase para esse outro formato de conversa, colocando em prática algumas idéias que acho que podem ajudar você a passar com mais leveza por esse período de isolamento.

Para hoje, eu queria te trazer, junto com o nosso cafezinho, um presente: fiz com muito carinho um kit de papelaria que você pode imprimir para montar uma sessão de cinema em casa -uma caixa de pipoca, uma capinha para customizar aquele copo descartável comum que você tem em casa, ingressos que podem ser usados como post-it para deixar recadinhos e um pôster, que você pode imprimir, colocar numa moldura e escrever por cima do vidro, usando como lousa, para repetir o mesmo programa nas próximas semanas, se sentir vontade.
Autocrítico que sou, confesso que, em meio a um caos tão grande, me pergunto se faz sentido produzir esse tipo de conteúdo e a resposta vem em seguida, com uma outra pergunta: ao que mais podemos nos apegar agora?

Pode parecer bobo passar uma tarde e uma parte considerável de uma noite fazendo um arquivo para imprimir, enquanto o mundo se acaba lá fora, mas afinal, o que temos de remédio hoje é o afeto e a proteção que encontramos em casa e acredito fortemente que isso deve ser valorizado, sim.
Até porque esse conteúdo não é, de fato, apenas sobre uma caixinha impressa em papel -mas sobre como decidimos enxergar o momento atual e sobre como podemos transformar o medo e a insegurança em pequenos instantes de leveza.
O material foi feito seguindo a mesma linguagem visual da capa da nossa playlist (com músicas otimistas para ouvir durante a quarentena) e você pode fazer o download gratuito do seu kit clicando AQUI.

E como eu sei que geralmente a gente perde muito tempo escolhendo filme ou série pra assistir nas plataformas de streaming, estou montando uma lista com coisas bem leves pra assistir em família ou a dois, que vou compartilhar aqui em outro post, entre hoje e amanhã, combinado?
-Inclusive, ainda estou finalizando a lista e aceito sugestões de filmes, séries ou outros tipos de atividades para ajudar o tempo a passar de forma leve e saudável, viu ;)

Por hoje é isso.
Fique em casa (se puder), lave as mãos e até a próxima!

Comentários