Anos atrás, li uma carta da editora da revista Glamour que falava sobre as pessoas que gostam de viver a vida "com emoção" ou "sem emoção", fazendo uma alusão ao passeio de buggy pelas dunas em Natal-RN -passeio esse que eu já fiz na versão "com emoção" apenas porque minha sogra estava junto e quis a versão mais "V1D4 L0K4" do passeio.
A tal carta falava sobre a importância dos dois grupos de pessoas para manter o equilíbrio na vida: é preciso ter pessoas com grupo "com emoção" para tomarem a frente de muitas coisas, pois são elas que ousam, vestem a camisa e "rasgam o peito", sem medo, mas também é preciso ter pessoas "sem emoção", pois elas fazem parte daquele grupo de pessoas mais racionais, que calculam mais e, obviamente, tem aquela certa dose de medo. Não existe certo ou errado e nem um grupo melhor do que o outro; são apenas formas diferentes de pensar e ver o mundo e eu, como bom taurino que sou, me vejo muito como parte do grupo "sem adrenalina", sabe (taurinos podem ser bem tradicionais as vezes)?
Eu gosto de ousar, de criar e inovar, mas de preferência dentro de um universo que não me "sacuda" muito e talvez eu seja assim pra sempre, ou talvez algum dia mude, mas isso só o futuro vai dizer.
E como meu lado "transgressor" é bem forte -talvez também por ser taurino, rs-, eu vejo histórias de algumas pessoas que saíram -LITERALMENTE- da sua zona de conforto e me sinto muito inspirado a pensar em algo além, que faça a vida valer a pena de forma mais intensa.

Um exemplo dessas pessoas que me fazem refletir sobre romper com a rotina é o casal "com emoção"  Bruna e Samir, baianos e nômades digitais que estão vivendo uma aventura linda e compartilhando tudo nas redes sociais (eu tenho acompanhado muito pelo stories, no instagram).
Samir e Bruna, o casal YBF

A verdade é que o termo nômades digitais virou um termo meio "hype" e no ano passado, depois do baphon da Bel Pesce, muita gente ficou desacreditada em muita coisa na internet -inclusive em relação ao lance do nomadismo digital-, mas a Bruna e o Samir conseguem ser reais, pé no chão e convincentes pela humildade e capacidade de mostrar toda essa aventura sem glamurizar o que, na verdade, é uma história de muita coragem.
Os posts de fim de ano deles no instagram foram extremamente emocionantes e me fizeram pensar que eu deveria, sim, compartilhar um pouco da história deles com vocês através do blog, para que outras pessoas conhecessem e pudessem também, como eu, se inspirar nesse casal simpatia.

Com uma sensibilidade incrível, Bruna e Samir registram -além do stories- sua saga em vídeos incrivelmente inspiradores que são postados no canal do casal no Youtube.
É tudo tão lindo e leve que confesso: minha vontade é pegar o primeiro vôo para encontrá-los e dar um abraço. Aliás, devo dizer que a vontade de abraçá-los é recorrente quando estou assistindo seus relatos do dia-a-dia através dos vídeos curtos postados no instagram.
Eu sou apaixonado por gente de verdade e sinto muita verdade vindo dessa dupla, por isso, estou compartilhando essa história -que estou adorando acompanhar- com vocês.

Em um dos meus vídeos favoritos do canal, Samir fala um pouco sobre a busca pelos sonhos, sobre sair da zona de conforto e ir atrás da felicidade, deixando o medo de lado e tomando uma atitude, acompanhando um vídeo lindo e muito inspirador, quase tátil, de tão sensorial.


"As pessoas querem que a vida passe logo, para chegar no happy hour"
Atenção ao vídeo sobre o Festival das Lanternas, da passagem do casal pela Tailândia: o que eu falei sobre gente de verdade aparece, de forma bem evidente, aqui: Bruna mostrando a redução das bagagens para facilitar a viagem e Samir tentando fechar parcerias para dar continuidade ao projeto.
Sobre o final do vídeo: pela essa água de Jesus! Que imagens lindas, gente. Eu tô jogada no chão, sim.
Se você gostou da história e tiver interesse em entender um pouco mais sobre o trabalho deles, sobre o projeto e como eles se organizaram para viver essa aventura, tem mais vídeos no canal deles no Youtube e vários posts legais no YBF explicando como tudo começou, como eles se prepararam e continuam se preparando para encarar os próximos capítulos dessa história.

Queridos Bruna e Samir, boa sorte e muito mais coragem, adrenalina, emoção e amor para vocês nessa jornada.
Todas as boas energias pra vocês direto do Brasil, não só a partir de mim, mas de toda a minha família de amigos e seguidores que com certeza vai adorar conhecer vocês!

E você, é do time "com" ou "sem" emoção?

Bjs do Math e até a próxima!

Fotos: Yes Be Free

Postar um comentário

Contact

Instagram

© BLOG DO MATH
Design by The Basic Page