Vocês já devem ter notado que na maior parte dos vídeos que eu posto no YouTube tem umas caixinhas de madeira atrás de mim, né? Talvez algumas pessoas já tenham reparado também que eu uso as caixas pra colocar objetos que tenham alguma ligação com o tema de cada vídeo, o que é super legal porque de certa forma, cada vídeo tem um "cenário diferente".

Eu já postei algumas fotos delas no instagram e comentei como eu tinha feito, mas sou tão apaixonado por elas que resolvi fazer um post aqui mostrando porque eu gosto tanto delas e não vivo mais sem: a versatilidade. Serião: foi um dos meus melhores investimentos no ano passado.

Eu encomendei as caixas/nichos de pinus para um workshop que fiz no Rio, no fim do ano passado. Ou seja, eu precisava que elas coubessem dentro da minha bagagem.

Loka? Sim, mas de ki-suco amor!
E coube na mala Math?
-Sim, coube.
Como?
-Tirando todo o dinheiro da poupança imaginária que eu faço pra um dia ter uma Chanel para pagar o excesso de bagagem maravilhoso que me faliu e me deixou passando fome por três meses.
Mentira... paguei excesso, sim, e foi bem caro mesmo, mas não chegou a esse ponto, não, rs.
O importante pra mim era chegar ao meu destino com elas, e deu certo. O que eu fiz foi pensar em medidas exatas para que uma se encaixasse dentro da outra e que todas coubessem nas malas que levei.

Mas o que eu quero mesmo com esse post é mostrar 2 coisas:
1. a possibilidade de mudar totalmente a cara de um móvel ou um ambiente inteiro apenas trocando os objetos que fazem parte dele.
2.  todo mundo deveria ter vários nichos ou prateleiras em casa porque é a coisa mais legal do mundo quando se trata de decoração: fica muito mais legal, lindo e divertido organizar, dividir e claro, embelezar qualquer cômodo da sua casa com espaços desse tipo pra guardar seus objetos favoritos, que não precisam ficar escondidos nas gavetas ou dentro dos armários.

No caso das minhas caixinhas, ainda tem uma vantagem: como elas são soltas, rola de usar todas juntas, como uma pequena estante mas também dá pra usar apenas algumas em casos específicos, como eu fiz no Picnic do Snoopy ou na mesa de páscoa.

Pra fazer as fotos desse post, eu fiz três composições em estilos diferentes, só pra demonstrar na prática como essas belezuras funcionam.

A primeira montagem foi feita com papel colorido nos fundos das caixas para dar a sensação de que elas tivessem sido pintadas e dar uma cara mais pop/lúdica pra decoração.
Eu poderia pintar de verdadinha? Claro! Mas eu adoro o aspecto natural do pinus e usar papel no fundo é uma alternativa legal porque caso a gente queira voltar a usar a madeira crua, é só tirar o papel e pronto!

A segunda composição foi feita usando coisas fofas de cozinha num estilo mais romântico/vintage. Na verdade, me deu vontade de ter essa decoração na cozinha pra sempre!
Os objetos ganham muito mais destaque, né? Amo/sou...
Nessa composição eu tirei os papeis e deixei a madeira natural. Se fosse tudo com fundo rosa ficaria bem fofo também, mas eu gosto desse charme da madeira, me passa a sensação de algo mais "rústico/campestre" e dá uma sensação de aconchego dentro de casa. Fofo!
Mais detalhes da composição. Repararam que aqui tem coisas que ficaram de fora no post onde eu mostrei minhas louças favoritas?
Sushi aprova a estante de nichos e apoia ainda mais o tapete de pelúcia, que ele adora!
Eu adoro o contraste da cor das louças coloridas com a característica neutra da madeira. Casamento perfeito pra mim...
Por fim, empilhei as caixas de modo mais verticalizado e misturei objetos com uma leve pegada vintage/industrial usando mais branco, cinza e preto e adorei o resultado!


3 xodós em uma única foto: cadeira menta, coelhinho e cachepot industrial com tag de coração.

O legal desse "exercício" é mostrar que com um pouco de coragem e criatividade a gente consegue "contar histórias" diferentes através da decoração da nossa casa, que sempre diz muito sobre quem nós somos, assim como as roupas que a gente veste todo dia (tipo eu, que me visto inteiro de Lanvin pra ir comprar pão de manhã -nos meus sonhos).
Você pode virar pra mim, apontar o dedo na minha cara e dizer que é fácil pra mim falar isso porque eu tenho trocentos objetos de decoração fofos pra experimentar novas possibilidades.
Aí eu vou quebrar seu dedo porque ninguém aponta o dedo pra minha cara e eu não levo desaforo pra casa porque sou bem fofa virar pra você de volta e dizer que talvez tudo que você precise é guardar a preguiça numa gavetinha junto com as calcinhas (aqls sem noção) e tentar mudar as coisas de lugar. É bem possível que você não acerte de primeira, mas não pode desistir de tentar achar uma composição que te agrade e deixe seu cantinho mais feliz e com a sua cara!

E uma dica extra pra miga: reparem que boa parte das coisas que eu usei nas composições são peças/utensílios "utilitários" do dia-a-dia: caneca, xícara, tigela, livros... coisas que todo mundo tem em casa.
O grande lance que eu falo sempre aqui e vou falar até morrer é que a gente tem que apertar o botãozinho daquela palavra que eu não posso falar foda-se para as regras. A casa é sua, ninguém pode dizer onde você vai colocar suas coisas. Se quiser colocar uma calcinha na estante e uma caneca na gaveta do guarda-roupas, vai lá, monamú. Segura essa marimba aí e se joga gostoso nessa grande piscina que é a vida!
Logicamente eu estou brincando pra descontrair, mas é verdade mesmo: esqueça as regras e seja feliz!

E se você curtiu muito as minhas caixinhas mas não tem um marceneiro maravilhoso como o meu por perto pra fazer algo parecido pra você, dá pra fazer versões alternativas usando engradados de supermercado, caixas de vinho ou até mesmo os já muito conhecidos caixotes de feira.
A vantagem dessas caixinhas em relação aos caixotes é o acabamento, mais refinado e as possibilidades de encaixe a partir dos tamanhos das caixas, que tem medidas diferentes umas das outras.

Eu gosto tanto das minhas caixinhas que estou pensando seriamente em fazer mais delas pra dobrar a quantidade! <3

E vocês, o que acharam? Alguém aí tem sugestões pra fazer algo similar em casa ou outras dicas legais pra mudar a cara de um ambiente ou móvel?
Compartilha aqui em baixo que as miga da família flamingo vão adorar saber!

Bjs do Math e até a próxima!

Postar um comentário

Contact

Instagram

© Blog do Math
Design by The Basic Page